Pais observam impotentes enquanto os polícias levam o seu filho. Os momentos que se seguem deixam todos em lágrimas

Os polícias de patrulha, e até mesmo os próprios polícias, estão equipados com câmaras para os manter responsáveis ​​pelas suas ações. Então, quando o oficial Chase Miller respondeu a uma chamada do 911 a pedir ajuda num restaurante KFC em Granbury, Texas, acabou por ir imediatamente retirar um menino de 3 anos dos braços da sua mãe. A filmagem do carro capturou cada segundo agonizante da trágica situação enquanto esta se desenrolava. Os pais do menino choravam, mas o Departamento de Polícia de Granbury apoiou as ações do oficial e não mudariam uma única coisa que ele fez naquele dia.

O agente Miller recebeu a chamada por volta das sete da noite e quando chegou ao local deparou-se com uma visão que nunca esqueceria. Bethany Hoover, de 21 anos, estava a segurar no corpo flácido do seu filho, gritando desesperadamente por ajuda. O pai do menino, John Geis, estava a tentar abraçar e consolar a sua namorada enquanto viam a vida do pequeno Brayden lentamente esvair-se. Este é o pior pesadelo de todos os pais, mas assim que o agente Miller entrou no estacionamento, ele tirou o menino dos braços da mãe, colocou-o gentilmente no chão e imediatamente começou a fazer reanimação cardiorrespiratória.

Não há palavras para descrever o que estes pais devem ter sentido enquanto os segundos passavam. Esta é a vida real no seu pior momento e também no seu melhor momento possível. Se não fosse pelo resultado final, provavelmente seria algo demasiado doloroso para ver.

Ao ver a expressão nos seus rostos se transformar de angústia em esperança, vê-los impotentes curvados em oração, entenderá o que realmente significa sair da escuridão para a luz.

Veja a cena milagrosa no vídeo abaixo!

Empregada do Lidl partilha vida de luxo nas redes sociais e acaba detida

Menina tem ataque de pânico no avião – quando a mãe olha para cima, percebe que o comissário de bordo está a entregar “bebidas especiais”