Para que serve uma avó: a certa de uma menina de 4 anos é comovente!

Certo dia, uma pequena chamada Sandra resolveu fazer companhia à avó, que trabalhava numa loja de flores.

As duas estavam a conversas sobre os mais diversos temas, até que começaram a falar sobre o papel das avós.

Sandra parecia ter ideias muito definidas e marcadas sobre isso, e a avó fez questão de as escrever, elaborando a linda carta abaixo:

“Para que serve uma avó

Uma avó é como uma velha tia que não tem filhos e, por isso, ama os filhos dos outros. Um avô é uma avó homem. Anda com os homens e fala de coisas de homens, de pesca, de tratores e coisas desse tipo. As avós não têm que fazer nada de especial. São idosas, então temos que ter cuidado quando brincamos com elas para que não se magoem.

As avós geralmente levam os netos ao centro comercial onde está o cavalo falso, e têm uma bolsa cheia de dinheiro. Às vezes levam-nos para passear, mas não é muito divertido porque caminham muito lentamente. Param sempre, mas é melhor não pedir para caminharem mais rápido.

Muitas vezes são gordinhas, mas conseguem baixar-se para atar os sapatos das crianças. Usam óculos e roupas íntimas muito grandes. Fazem coisas que nós não podemos, como por exemplo, tirar os dentes.

Elas têm um ótimo perfume quando as abraçamos, e também quando acabaram de cozinhar alguma coisa, porque elas estão sempre a cozinhar alguma coisa.

Sabem muitas coisas e sabem responder também a perguntas do tipo “porque é que os cães odeiam os gatos” e “porque é que Deus não é casado”.

Quando falam com os netos não falam com uma voz estranha como os outros adultos desconhecidos. Quando nos leem histórias não saltam as páginas, elas gostam de ler histórias para nós. O tempo delas parece ser todo para nós.

Todos deviam ter uma avó, porque a avó é o único adulto que tem sempre tempo para nós.”

Uma lição de amor vinda de uma menina muito sábia, PARTILHE!

13 fotos que comprovam que a depressão não tem rosto

Plateia ri da fazendeira de 53 anos – mas veja a reação deles quando ela abre a boca