Rottweiler desaparece sem deixar rasto – até que o dono, nervoso, atende uma chamada do veterinário

No dia 7 de abril de 2007, o cão de Joshua Edwards, Duke, de raça rottweiler, desapareceu da casa em Coconut Grove, na Flórida.

Duke ainda não tinha um ano de idade, e Joshua ficou extremamente preocupado, tendo feito tudo ao seu alcance para o encontrar.

Porém, o tempo foi passando e Joshua começou a pensar que nunca mais o ia ver. Mas tudo mudou passados 8 anos, quando recebeu uma chamada da clínica veterinária.

Surpreendentemente, uma mulher tinha visto o cão sozinho na rua e contactou a clínica, que encontrou o microchip associado a Joshua.

O homem não acreditava que pudesse ser verdade, pois tinham passado tantos anos, mas o veterinário insistiu que era Duke.

Nervoso, Joshua foi à clínica e susteve a respiração antes de abrir a porta… então, reconheceu de imediato o rottweiler.

“Acho que ele me reconheceu imediatamente. Nunca pensava que o ia ver de novo”, diz Joshua emocionado.

Segundo o veterinário, a clínica já tinha feito uma coisa do género, mas após apenas algumas semanas, pelo que passados 8 anos é realmente inédito. “Isto prova que o sistema do microchip funciona”, defende o veterinário.

Nunca se vai saber onde Duke andou este tempo todo, mas felizmente já está reunido com o seu dono.

“Queria que ele conseguisse falar para nos contar o que aconteceu”, diz Joshua. Apesar de tudo, sabe que quem cuidou dele o fez bem, pois Duke encontrava-se em muito bom estado.

Veja o momento do reencontro no vídeo abaixo e PARTILHE!

Jogo inocente da filha torna-se num perigo – agora a sua mãe está a avisar os outros pais

Jurados carregam no botão imediatamente ao ouvir voz arrepiante no palco. Eles não conseguem acreditar que a voz vem de uma menina