Mãe solteira, com 4 filhos, 2 com autismo, ganhou o Euromilhões

Esta é a história de Beverley Doran, uma mãe solteira de 37 anos com 4 filhos, que vivia numa habitação social até ter vencido o Euromilhões há quase 1 ano atrás.

Após ganhar 60€ numa aposta numa quarta-feira, Beverley jogou no Euromilhões, e na sexta-feira seguinte tornou-se milionária.

Beverley, residente em Shipley, comunicou a sua vitória, tal como Paula Barraclough, de 45 anos, e Lorraine Smith, de 54, que juntas ganharam um valor combinado de aproximadamente 18 milhões de euros.

“Não toquei numa gota de champanhe, porque sou alérgica e fico vermelha como uma lagosta mesmo com um pequeno gole”, diz Beverley.

Atualmente, a vencedora com 4 filhos, de 17, 10, 9 e 5 anos de idade, dois deles com autismo, cancelou os seus subsídios de 358€ por semana, que recebia há 2 anos.

“Tem sido uma luta financeiramente, a assistente social quase deixou cair o telefone quando lhe disse que tinha ganho prémio”, conta Beverley, que estava separada do marido há 7 meses.

Entretanto, o ex-marido reagiu à novidade nas redes sociais, tendo escrito que a ex-mulher tinha garantido que ele não ia ver um cêntimo do dinheiro ganho.

“É fantástico pensar que não tenho de lutar outra vez. Antes todo o meu dinheiro era direcionado para as crianças, e eu andava em farrapos. Agora até posso comprar um avião! Eu sofri de depressão, só de pensar no que iria acontecer aos meus filhos. Ainda estou à espera que venha alguém e rebente a minha bolha. Acho que estou a sonhar”, admite Beverley.

Agora, a sua primeira compra vai ser uma casa nova para ela e a família poderem sair da habitação social.

“Eu ainda estava a acordar quando fiz login na minha conta. Eu vi o montante do jackpot mas não consegui perceber o quanto ganhara. Devagar, apercebi-me que o vencedor era da Grã-Bretanha, e que essa pessoa era eu. Saltei da cama e corri para o quarto do meu filho mais velho. Ele estava a dormir mas eu gritei: ganhei o Euromilhões! Sou milionária! Tudo o que ele dizia era: do que estás a falar? Foi de loucos, a minha cabeça estava a girar e nada fazia sentido. Eu gaguejei para o meu filho, caí no chão e comecei a chorar e a tremer”, relembra Beverley.

PARTILHE!

Está tanto frio na América do Norte que as Cataratas do Niágara congelaram – as imagens parecem saídas de um filme

Mãe janta com futuro genro. Dias mais tarde, ela descobre uma foto antiga que lhe dá calafrios na espinha