Inglês de 63 anos apanha lixo na EN125 em Tavira, todas as manhãs

Hoje vamos dar-lhe a conhecer Ian West, um homem de 63 anos de nacionalidade inglesa, nascido em Nottingham.

Ian, que vive em Conceição de Tavira há 5 anos, passa aproximadamente 3 horas por dia a apanhar lixo das bermas na EN125, em Tavira, todas as manhãs.

Ver tanto lixo na berma das estadas é algo que realmente perturba este senhor, que já encheu aproximadamente 140 sacos com todo o lixo apanhado.

“Venho apanhar lixo todas as manhãs, das 6:00 às 9:00 ou até um pouco mais tarde. O trânsito a esta hora está mais calmo e é mais seguro. Apanho todo o tipo de objetos, desde garrafas de plástico, papel, latas de metal, etc”, conta Ian.

Tudo começou por não gostar de ver a estrada suja, e por ver a recolha do lixo um dever cívico, contudo aproveita isso para se manter em forma para uma caminhada de caridade na sua terra natal. Esta caminhada tem como objetivo apoiar uma organização que treina cães de guia para pessoas cegas.

“No final deste ano até ao verão de 2019, vou percorrer a costa do Reino Unido e assim mantenho as pernas em boa forma porque a idade já não perdoa”, explica o senhor.

Segundo Ian, a poluição nas estradas não é um problema exclusivamente português, pelo que não critica os serviços locais em relação à quantidade de lixo nas bermas das estradas.

“A infeliz verdade é que há estradas com lixo em todo o lado. Sinto que estou a retribuir à sociedade o facto de estar a morar aqui. Os serviços responsáveis pela limpeza do lixo fazem tudo com pouco tempo e dinheiro e eu ajudo para os aliviar de algum trabalho”, conta.

Ainda que estejamos numa altura de muito calor, Ian não deixa de se deslocar para apanhar o lixo das bermas das estradas e deixar aquele que considera o seu lar limpo. PARTILHE!

Este delicioso bolo de laranja prepara-se no forno de micro-ondas em 5 minutos

“Olá pai, não me tenho sentido muito bem. Podes levar-me ao médico?”, mas a situação é muito pior do que imaginavam