Casa

Conheça a menor residência do mundo

Hoje vamos dar-lhe a conhecer a residência mais estreita do mundo em Varsóvia, Polónia. A “Casa Keret” foi concebida pela primeira vez como uma visão aparentemente impossível do arquiteto polonês Jakub Szczesny de Centrala, que apresentou a ideia como um conceito artístico durante o Festival de Wolaart em 2009.

Agora, a sua visão tornou-se realidade e tem atraído uma quantidade significativa de atenção internacional para a cidade de Varsóvia.

Construída entre dois edifícios pré-existentes de duas épocas históricas, a estreita habitação é uma instalação de arte que reage ao passado e presente de Varsóvia. Embora o ponto mais largo da estrutura, semitransparente e sem janelas, meça apenas 122 centímetros, o interior naturalmente iluminado não parece tão claustrofóbico como se pensaria.

A Casa Keret servirá indefinidamente como uma casa temporária para escritores de viagem, tendo começado com o escritor israelense Etgar Keret.

Apesar do seu tamanho não convencional, trata-se de um espaço totalmente funcional em que se pode viver, bem como criar.

“Acreditamos profundamente que se tornará um símbolo da moderna Varsóvia enraizada na sua complicada história. A casa atrai a atenção dos media do mundo inteiro e mostrará o lado mais fascinante de Varsóvia”, disseram os curadores de projeto Sarmen Bearlian e Sylwia Szymaniak da Fundação de Arte Moderna Polonesa.

A casa peculiar está localizada entre dois edifícios históricos fascinantes. “O primeiro é um prédio de tijolos na Zelazna Street – um fragmento da cidade pré-guerra mundial. O segundo – um prédio de concreto cooperativo, um elemento de uma “estrutura imposta”, que visava negar a paisagem da cidade anterior. A sua adjacência é coincidência – como muitas estruturas arquitetónicas em Varsóvia. Keret House é um exemplo perfeito da chamada “não correspondência” no tecido urbano da cidade. Outra razão é a história da guerra da cidade – onde a casa está localizada, dois guetos – o grande gueto e o pequeno gueto encontraram-se. Apenas a poucos passos da casa, houve uma ponte a conectar os dois espaços fechados”, explicou o arquiteto Jakub Szczesny.

O ponto mais estreito da casa mede 72 centímetros, enquanto o mais largo mede 122. “A princípio, parece que a construção do espaço vital dentro de tal premissa é impossível. Keret House conseguiu contradizer essa falsa ideia, ampliando simultaneamente o conceito de arquitetura impossível”, acrescentou Szczesny.

PARTILHE!

Mais Populares

To Top

Possível adblock detectado

Se estiver a usar um Ad Block por favor desligue-o no nosso website. Os anúncios são essenciais para a manutenção deste website.

Refresh