in

Senhor reformado ganha carro em rifas, mas devolve o veículo para ajudar mulher doente

Esta é a história de Célio Pereira de Carvalho, um senhor reformado que ganhou um carro num concurso de rifas em Londrina, no norte do Paraná.

Ao contrário do que seria esperado, após saber o resultado e receber as chaves do automóvel pelas mãos de Margarete Mormul, a proprietária do mesmo, Célio resolveu não ficar com ele e devolvê-lo à senhora.

“Sabia que ela usava o carro para trabalhar, que era a única fonte de rendimento dela. Quando comprei quatro rifas prometi que se ganhasse não ficaria com ele. O meu objetivo era ajudar e não ficar com o prémio”, explicou Célio.

Há cerca de 4 meses, Margarete descobriu que as suas enxaquecas e sinusites constantes eram dois tumores cerebrais malignos.

Ela tinha de ser operada urgentemente, mas não tinha dinheiro que chegasse para pagar a cirurgia. Então, resolveu rifar o próprio carro, que tem um valor aproximado de R$ 20 mil.

Durante 2 meses, Margarete dedicou-se a vender rifas de R$ 20, e até foi a programas de televisão pedir ajuda.

“Quando descobri foi muito difícil. Faltou-me o chão. Mas não desisti da vida e decidi leiloar o carro que utilizava para trabalhar. A maioria das pessoas disse que devolveria o carro caso ganhasse. Mas quando o Célio me disse que não ia ficar com o carro e me devolveu as chaves, eu tremi de emoção. Estou muito grata”, contou Margarete.

“Para ajudar alguém, a gente dá até o sangue. Nunca devemos fazer o bem, cobrando receber algo em troca”, disse Célio.

No final, Margarete conseguiu fazer a cirurgia usando o dinheiro das rifas, mas ficou em coma nos cuidados intensivos do hospital Santa Casa.

Os médicos chegaram a dizer à família que ela não ia sobreviver, pois não estava a conseguir recuperar a consciência.

“Ela é um milagre de Deus. Quando os médicos disseram que ela estava entre a vida e a morte, rezámos muito. Os amigos e a família fizeram uma corrente de oração, e Deus deu-lhe a vida novamente. Queremos agradecer a todas as pessoas que rezaram por ela e ajudaram”, disse a mãe de Margarete.

“Deus devolveu-me a vida e o carro. Sou muito grata. Pelo milagre de ficar bem, de poder viver novamente”, disse Margarete, emocionada.

PARTILHE!

Mau-olhado? Veja como descobrir se alguém lhe está a enviar energias negativas

Uma pessoa negativa vê só as coisas más: esta breve história explica-nos o porquê