in

Perdem a filha de um ano e decidem doar os seus órgãos: o hospital honra a escolha com um gesto emocionante

Esta é a história de Alondra Torres Arias, uma menina de 1 anos que faleceu de pneumonia grave, o que deixou os seus pais desolados.

Os médicos do hospital de Monterrey, em Nuevo leon, México, fizeram os possíveis para curar Alondra, mas infelizmente a bebé não resistiu e tiveram de declarar morte cerebral.

Apesar do sofrimento, os pais de Alondra fizeram questão de doar os órgãos da pequena. Os rins e fígado da criança possibilitaram salvar a vida de três outros bebés.

A mãe de Alondra, Jenni Barraza, ficou ao lado da filha a conversar e a dar-lhe beijinhos até ao fim.

Como homenagem à coragem da família e ao sacrifício de Alondra, o pessoal do hospital formou um longo cordão humano pelo corredor. Todos os médicos e enfermeiras acompanharam a criança para a sala de cirurgia, enquanto Jenni chorava, mas de cabeça erguida por saber que estavam a fazer o correto.

Desejamos toda a força para esta família incrível.

9 enfermeiras da mesma maternidade ficam grávidas ao mesmo tempo

Keanu Reeves viajou de transporte público com estranhos após pousar de emergência