in ,

Pais concordam com cirurgia arriscada para as suas gémeas siamesas de 7 meses. Agora veja-as 17 anos depois

Sydney e Lexi Stark estão habituadas a surpreender as pessoas. Elas surpreenderam os seus familiares queridos quando nasceram juntas na parte inferior do corpo – algo que tira a vida de 40 a 60 por cento dos gémeos siameses.

Entretanto, voltaram a chocar todos quando sobreviveram ao primeiro dia – algo que apenas 35% dos gémeos siameses consegue. Então, desafiaram as probabilidades pela terceira vez quando passaram por uma cirurgia particularmente arriscada para separá-las aos 7 meses de idade. Felizmente, Sydney e Lexi sobreviveram à cirurgia e agora são saudáveis, felizes, com os seus 17 anos de idade. Gratas por terem sobrevivido, as gémeas sabem quão sortudas elas são…

O pai das gémeas, James, disse que a equipa médica não sabia muito sobre gémeos siameses quando as suas filhas nasceram. “O médico trouxe um livro médico de mil páginas e folheou-o na página sobre gémeos siameses e lá estavam, literalmente, dois parágrafos sobre isso”, conta James.

Felizmente, eles conseguiram reunir informações e decidiram fazer a cirurgia para separá-las. As meninas estavam juntas na espinha e partilhavam várias partes críticas do corpo, como medula espinal e intestinos – mas James e a sua esposa Emily estavam confiantes de que essa era a única forma de dar às meninas uma vida que elas mereciam.

Apesar da sua confiança na escolha de separar as meninas, Emily disse que estava com medo de interferir no destino delas.

“Fizemos tanto para chegar até hoje, e cerca de duas semanas antes, eu olhei para o James e disse: estamos a brincar com Deus”, lembra Emily. Mas eles não estavam a brincar, estavam a dar às meninas a liberdade que elas precisavam para ser saudáveis, seres humanos prósperos.

Mais de 17 anos depois, Sydney e Lexi estão vivas e bem. Agora, estão a falar sobre o seu início de vida doloroso e a sua ligação incrível. PARTILHE!

Ninguém aparece na festa de aniversário do menino de 4 anos – então, a empregada de mesa decide agir

Empregada doméstica abre gaveta no quarto de casal idoso e dá um grito