Mãe manda mensagem para professora depois de o cão começar a agir de forma estranha em casa – veja a sua resposta inesperada

Esta é a história de Sadie, uma menina de 4 anos que tem síndrome de Down e diabetes tipo 1, sendo difícil para os pais monitorizar o seu nível de açúcar no sangue.

Felizmente, um cão de raça labrador chamado Hero veio ajudar a família, pois com o seu olfato extremamente apurado consegue detetar quedas ou subidas relevantes nos valores de açúcar no sangue a vários quilómetros.

Certo dia, Sadie estava na Escola Primária e Hero em casa, encontrando-se a mais de 8km de distância, quando o cão começou a comportar-se de forma estranha.

“Normalmente, ele é um cão muito quieto. Ladrar não está no seu protocolo, mas ele começou a ganir e não parou”, conta Michelle, a mãe de Sadie, que percebeu que Hero estava a chamar a atenção para os níveis de açúcar de Sadie, que estavam a cair.

Michelle enviou uma mensagem à professora de Sadie, que verificou o sangue da menina e informou a mãe que estava tudo bem. Porém, dentro de meia hora, os níveis começaram a desceu e passaram de 122 para 82.

“Com valores baixos, ela podia estar em coma diabético ou até mesmo morrer”, conta Michelle.

KC Owens, a treinadora de Hero, conta que utilizou uma fragrância engarrafada para o ajudar a detetar níveis baixos e altos de açúcar no sangue.

“Os cães são fáceis de treinar e são usados pelo seu nariz. Podem acordar uma família a meio da noite por algo mínimo, chamar ajuda, e muito antes de toda a tecnologia”, explica a treinadora.

Um dom realmente incrível, não acha?

Se sim, PARTILHE!

Homem recusa-se a colocar os pais num lar de idosos – em vez disso, ele constrói algo incrível

Um atentado acabou com toda a sua família, e este é o momento do reencontro com a sua melhor amiga