Inspiração

Mulher mais velha a superar a Covid-19 tem 113 anos

Hoje vamos dar-lhe a conhecer María Branyas, uma senhora de 113 anos, que não só é a mulher mais velha de Espanha, como também a pessoa mais velha a vencer a Covid-19.

María foi diagnosticada com o novo Coronavírus em abril, tendo ficado isolada durante várias semanas no seu quarto, em Santa Maria del Tura (Olot, Girona).

Durante esse tempo, não pôde receber visitas, e todo o contacto com familiares foi realizado através do telemóvel.

Felizmente, a idosa acabou por testar negativo, o que significa que recuperou totalmente. Profundamente grata aos profissionais de saúde pelos cuidados recebidos no lar onde mora, María conta que todos “foram muito gentis e atenciosos”.

“Agora que ela está bem, ela quer falar, explicar, refletir. É ela outra vez, uma mulher forte e positiva”, diz a filha, Rosa Moret.

Segundo Rosa, a surpreendente longevidade da mãe deve-se a “ter uma boa saúde, nunca ter fumado ou tido uma doença grave, nem mesmo um osso partido, apesar de nunca ter feito grande atividade física, com exceção das caminhadas pela Rambla de Girona com os amigos”.

María é agora um símbolo de esperança nestes tempos conturbados.

Mais Populares

To Top

Possível adblock detectado

Se estiver a usar um Ad Block por favor desligue-o no nosso website. Os anúncios são essenciais para a manutenção deste website.

Refresh