in

Mulher adotou 6 irmãs para manter a família junta

Esta é a história de Lacey Dunkin, uma mulher que sabia que o seu destino era ser mãe desde os seus 25 anos, fosse ou não casada. No ano de 2011, recebeu a certificação necessária para poder adotar, e pouco tempo depois recebeu uma chamada que mudou a sua vida para sempre.

Estavam à procura de alguém disposto a acolher 4 crianças, o que não é nada fácil, mas Lacey aceitou sem qualquer hesitação. Alguns meses depois, a mãe biológica das crianças voltou a ficar responsável por elas, assim como pela bebé que tinha sido acolhido por outra família.

Um mês depois, Lacey recebeu outra chamada. Era a mãe biológica das crianças. Ela queria que as filhas tivessem a melhor vida possível, e o melhor para elas era estar com Lacey, então propôs-lhe que esta ficasse com as 4 irmãs e a bebé.

Mas as surpresas não acabaram por aí… durante o processo da segunda adoção, a mãe biológica descobriu que estava grávida de uma sexta filha. Lacey, que queria tanto ser mãe, não podia estar mais feliz por ver a sua família crescer de 1 para 7 pessoas lá em casa.

“Elas trazem-me tanta alegria! E caos também, mas a minha vida seria vazia sem elas”, disse Lacey.

Lacey sente-se muito sortuda por ter Sophia, Natalie, Melanie, Kaylee, Lea, Cecily, com idades compreendidas entre os 2 e os 9 anos. Mas estas crianças também tiveram muita sorte, porque tiveram a oportunidade de crescer juntas e com todo o amor de mãe que Lacey tem para dar.

PARTILHE!

Homem encontra mansão abandonada na floresta e fica gelado ao abrir a porta

Fazem troça de uma menina de 13 anos que recolhe lixo pela cidade: agora ela é um modelo para todo o mundo