Enfermeira jovem adota bebé vítima de abusos. Então, descobre bomba sobre irmã gémea da bebé

Em março de 2017, uma menina chamada Delilah foi internada no Hospital Infantil Wolfson, em Jacksonville, na Flórida. Não demorou muito para o pessoal perceber a horrível verdade: Delilah tinha sido negligenciada e abusada.

A pobre criança de 14 meses estava completamente desnutrida e sofria de ossos partidos e uma fratura no crânio. Os seus ferimentos foram o resultado de “trauma não acidental”.

É preciso uma pessoa monstruosa para fazer isso a uma criança, mas felizmente havia um anjo disfarçado à espera para resgatá-la.

Jess Hamm, uma enfermeira de 30 anos de idade da unidade de terapia intensiva pediátrica, estava a trabalhar no hospital naquele dia quando viu Delilah, pequena, magra e fraca – mas milagrosamente, a menina forte ainda estava viva e a lutar pela sua vida. Jess aproximou-se de Delilah e o seu coração partido encheu-se de amor quando a bebé olhou nos seus olhos e agarrou o seu dedo.

Foi nesse exato momento que Jess soube o que precisava fazer: ia levar Dalila para casa e adotá-la. Ela sabia no seu íntimo que poderia dar à bebé todo o amor e cuidado que ela merecia, mas nunca teve antes.

Para passar de enfermeira para a nova mãe de Delilah, Jess marcou uma reunião com as assistentes sociais do Departamento de Crianças e Famílias da Flórida. Mas enquanto estava sentada com a equipa a preencher a papelada de adoção, Jess descobriu algumas novas informações sobre Dalila que a deixou surpreendida e mudaram todo.

Acontece que Delilah tinha uma irmã gémea – e essa irmã gémea precisava desesperadamente de ser salva também. Isto tudo aconteceu há dois anos, e muita coisa aconteceu na casa de Jess desde então…

Esta mulher merece todo o reconhecimento que está a receber online e em toda a sua comunidade. Ela é verdadeiramente uma inspiração!

Saiba mais sobre a história comovente de duas meninas abusadas e maltratadas e a maravilhosa mulher que as resgatou, e a que agora chamam de mãe, no vídeo abaixo.

Pai comove o mundo ao mostrar o filho a despedir-se da irmã com cancro terminal

Mulher tropeça nas botas do marido e reclama em voz baixa sem saber que seria a última vez