Eles vêm em sacos selados e vivem apenas até 6 meses. Os famosos chaveiros de animais vivos

Atualmente, as pessoas preocupam-se cada vez mais com os animais e os seus direitos, o que se pode ver diretamente no número crescente de indivíduos que abdicaram de comer carne.

Para além disso, as lojas de animais, abrigos de adoção e boas ações isoladas em relação a animais têm crescido – e não estamos a falar só de cães e gatos.

Recentemente, uma situação horrível teve lugar na cidade de Pequim, na China: uma vendedora ambulante colocou uma caixa no chão em plena rua, e mostrou fileiras de pequenas bolsas com animais vivos lá dentro.

Basicamente, cada bolsa possui um animal, como tartarugas, peixes, salamandras e outros, e um anel que possibilita adicionar as chaves. Os vendedores selam as bolsas hermeticamente e colocam lá um tipo de alimento líquido de longa duração. É verdade, porta-chaves de animais vivos existem, e estes chegam a viver assim durante aproximadamente 6 meses.

De acordo com o China Daily, este tipo de negócio costuma ser encontrado nas escadarias das estações de metro da cidade, e cada porta-chaves custa um dólar e meio.

Embora não se saiba exatamente quanto esta prática desumana começou, algumas pessoas dizem ver estes porta-chaves a ser comercializados em Pequim desde pelo menos 2010. A maior parte não compra, mas não consegue deixar de ficar indignadas com o que veem.

Algumas pessoas, preocupadas com os animais indefesos, acabam por comprar o máximo de porta-chaves possíveis para depois os libertar.

Muitas acham que isto é mais uma prova de que a maior parte da população oriental não sente o mesmo afeto pelos animais que a ocidental.

É importante divulgar isto, PARTILHE!

18 casais cujo sentido de humor pode quebrar todos os recordes

Órfã com olhos cinzentos é ignorada até uma mulher ver a sua fotografia e descobrir a sua verdadeira identidade