in

É a vez dos homens calvos: segundo a ciência, são mais inteligentes, fortes e sexy

Antigamente, a calvície era considerada um problema estético, que causava falta de autoestima, constrangimento e mesmo alguma vergonha.

Com o tempo, foi passando a ser vista como algo natural, até porque muitos modelos e atores com calvície fizeram grande sucesso. Assim, aquilo que antes era um ponto fraco tornou-se um ponto a favor!

Esta tese é corroborada pelo estudo de uma equipa de investigadores da Universidade da Flórida, que contou com entrevistas a algumas pessoas.

A calvície está ligada a uma maior quantidade de massa cinzenta, pelo que os homens calvos são considerados mais inteligentes, informados e bem preparados, o que é verdadeiramente atraente.

Antes, a perda de cabelo era associada ao envelhecimento, perda de virilidade e impotência, mas todos esses mitos foram-se desfazendo com o tempo, e agora a calvície é até símbolo de masculinidade e confiança.

Ser careca já não é algo negativo, e sim um indicador de testosterona, maturidade, carisma e charme irresistível!

O mais importante é mesmo lembrar que neste caso específico, o meio-termo não é desejável. Isto é, se começar a perder muito cabelo, o melhor é assumir e rapar tudo.

PARTILHE!

De empregada doméstica a juíza: um relato de superação

Esta mãe nunca tinha pintado o cabelo. Agora, revela transformação tão dramática que as filhas não a conseguem reconhecer