Depravado, segue mãe e filha de 2 anos na loja. De repente, ele sussurra: “diz adeus à mamã”

A mulher estava no supermercado a fazer compras com a filha de 2 anos e ouviu um homem sussurrando: “Diz adeus à mamã”

No mês de fevereiro de 2016, Amanda Cropsey Florcyzkowski, mulher residente no Texas, EUA, estava a fazer compras com a filha de 2 anos num supermercado, quando ouviu um homem sussurrar “diz adeus à mamã”.

Quando ouviu isso, Amanda ficou muito alarmada, mas ainda bem que estava atenta, porque suspeita que o homem a mulher na caixa, aparentemente normais, tencionavam sequestrar a sua filha.

Infelizmente, no dia 24 de setembro de 2018, aconteceu outra situação idêntica no Texas. Desta vez, a vítima ia sendo uma menina de 4 anos, que estava a acompanhar a mãe nas compras.

À medida que ia enchendo o carrinho, a mãe esforçava-se para vigiar a pequena, mas infelizmente apenas alguns segundos podem chegar para acontecerem verdadeiras tragédias.

Segundo as autoridades, duas pessoas desconhecidas, uma do sexo masculino e a outra do sexo feminino, tentaram tirar a pequena do carrinho, mas um dos funcionários viu e entrou em ação.

Rapidamente, a mãe saiu da loja com a filha, que felizmente escapou ilesa, mas a situação está a ser investigada pela polícia.

Estes casos mostram quão importante é educar os mais novos para o que devem fazer se forem abordados por um estranho que os queira levar, como gritar, espernear e lutar com todas as forças. Frequentemente, a atenção que isso chama chega para afugentar o sequestrador.

Felizmente, o funcionário da loja impediu que uma tragédia acontecesse, mas nem sempre se tem essa sorte. PARTILHE!

Pedófilo vai ser castrado quimicamente após aprovação de nova lei

Homem pensa que nunca vai conhecer o pai biológico até a mãe adotiva lhe mostrar uma fotografia que o deixa atordoado