Polícia a confortar criança abandonada torna-se viral

Hoje vamos dar-lhe a conhecer o oficial James Hurst, que apesar de ser novo na polícia, já ensinou algo muito importante aos colegas.

Ele e os colegas foram chamados para o bairro de Cuyler-Brownsville, em Savannah, após um alerta dos moradores sobre um menino de 16 anos a andar pela rua sozinho.

Ninguém sabia há quanto tempo a criança estava sozinha ou de onde vinha, e como pai de dois filhos, um deles com Síndrome de Down, o agente Hurst ficou bastante perturbado.

Então, depois de ir a correr com os colegas buscar o menino às 10 da manhã, foi direto para a sala de emergência para averiguar o seu estado de saúde.

O pequeno estava muito triste, o que partiu o coração do polícia, ansioso por poder ajudá-lo de alguma forma.

O menino estava a chorar muito, pois não sabia o que estava a acontecer, por isso o agente Hurst perguntou à equipa hospital se o podia levar ao colo como um pequeno consolo.

Os médicos concordaram, e o pequeno recebeu os cuidados hospitalares nos braços do polícia. Ao fim de alguns minutos, a criança já estava adormecida ao colo do oficial Hurst.

Entretanto, o menino, que se encontra bem de saúde e em segurança, ficou sob a custódia dos serviços sociais.

A linda atitude do agente valeu-lhe imensos elogios, aos que ele reagiu de forma bastante humilde. “É o que fazemos todos os dias, não apenas eu, mas os 600 oficiais deste departamento. Este trabalho é muito mais do que apenas perseguir os bandidos. Trata-se de servir os cidadãos das comunidades em que se trabalha, e fazer o que eles precisam que façamos”, disse o polícia.

Em casa, acumulam-se milhares de sacos de plástico… até ver a ideia desta mulher

Homem chamado de “Pai Natal magro” faz mudança de visual e parece uma estrela de Hollywood