Rapariga corre em direção a um desconhecido – quando o homem olha para o seu rosto, ele entra no camião e chama as emergências

No dia 5 de setembro, um homem chamado Earl Melchert voltou para casa depois de encher o depósito do seu carro, quando viu ao longo algo que parecia um veado, mas ao aproximar-se percebeu que era uma jovem a correr na sua direção.

A jovem era Jasmine Block, uma menina de 15 visivelmente assustada, que estava encharcada e queria refugiar-se no camião de Earl.

Earl reconheceu logo a menina, pois já tinha visto a sua cara em panfletos e na internet: Jasmine estava desaparecida desde o dia 9 de agosto.

Jasmine contou que Jay Barker, o pai de 32 anos da sua amiga, chegou a sua casa naquela noite a pedir ajuda juntamente com a filha.

Então, Jasmine entrou no camião e foi com Barker até casa deste, onde ele a manteve em cativeiro.

Barker, Jason Lee Holby, de 31 anos e Michael Samuel Power, de 21, abusaram sexualmente de Jasmine durante 29 dias, tendo-a mudado de local diversas vezes para não correr o risco de serem apanhados.

Segundo Jasmine, Barker tentou assassina-la três vezes, uma delas na banheira, mas não teve força suficiente por causa da sua paralisia cerebral.

No dia 5 de setembro, dois deles estavam a levá-la num sofá na parte de trás de um camião, e quando foram a uma loja, Jasmine aproveitou para fugir.

A jovem não conseguiu encontrar ajuda nas casas das redondezas, por isso passou por um lago e chegou à casa de Earl.

Os raptores estavam à procura dela, por isso Jasmine estava desesperada para entrar no camião de Earl, que chamou a polícia.

Então, a polícia apareceu e prendeu os três criminosos que a raptaram e abusaram. Powers admitiu ter passado 2 semanas na casa de Barker e violado Jamine, e Barker admite ter usado drogas e álcool, mas diz nunca a ter raptado ou abusado dela.

Earl foi compensado com 7.000 dólares pelo Departamento de Polícia de Alexandria, dinheiro que a família de Jasmine oferecia a quem soubesse do paradeiro da jovem.

Porém, Earl, que se reformou na semana passada, deixou todos surpreendidos ao entregar o cheque a Jasmine e dar-lhe um abraço.

“Foi o melhor que já fiz. Que presente de reforma, entregar dinheiro a pessoas que realmente precisam”, conta Earl.

PARTILHE!

Esta fruta tirou a vida a uma criança. Agora, a sua mãe devastada implora que mantenha este alimento longe dos seus filhos

Patrão faz o impensável e divide 1,6 milhões de euros pelos trabalhadores