Avó agarra no biberão da neta e repara que o leite materno está escuro. Quando ela vê o anel verde no fundo, ela descobre o terrível motivo

Esta é a história da família Rodriguez-Miranda, cuja avó está sempre disponível para ajudar os seus.

Por isso mesmo, a avó deixou que o filho, a noiva e a neta bebé ficassem a viver em sua casa temporariamente, pois não tinham dinheiro para pagar renda.

Entretanto, Sarai, outra filha, ficou ressentida por causa do irmão ter continuado a viver em casa da mãe, o que não pareceu despercebido.

Então, a avó da bebé, mãe de Sarai, decidiu ver o telemóvel da filha e descobriu mensagens chocantes entre ela e o namorado.

Sarai planeava envenenar a sobrinha, de 11 semanas, ao colocar comprimidos no leite da menina.

“Eu espero que ela morra, não me sinto mal com isso”, diziam as mensagens, mostrando que Sarai não sentia nenhum arrependimento.

Depois disto, a mãe de Sarai foi ao frigorífico onde estava o leite materno, e viu que um dos frascos estava mais escuro que o normal, e parecia haver um círculo esverdeado no fundo da garrafa.

Para garantir a segurança da neta, entregou tudo à polícia, que mais tarde revelou os resultados da análise de toxicologia: dentro do leite, haviam 9 comprimidos Excedrin, que podiam matar um adulto!

Estava então provado que Sarai tinha tentado envenenar a sobrinha recém-nascida, e depois disso fugiu com o namorado, desaparecendo durante quase 1 ano.

No dia 28 de setembro de 2017, a polícia encontrou-a e foi acusada de tentativa de homicídio.

Foi preciso bastante coragem por parte da avó da menina para denunciar a própria filha, mas foi o mais correto a fazer pois de facto Sarai ia cometer um crime doentio.

PARTILHE!

Funcionários expulsam homem enraivecido de 92 anos para fora do banco – então, a polícia leva-o de volta para terminar o trabalho

Ela queria mais uma filha, mas ao fazer a ecografia teve uma surpresa emocionante