in

Mãe partilha aviso arrepiante depois de a filha quase ser raptada em área de descanso da viagem

Muitos de nós já fizeram longas viagens, em que não aguentavam mais e pararam para descansar e usar a casa de banho. Embora essa típica experiência de viagem pela estrada seja algo com que quase todos nos podemos relacionar, é também algo que Abby Sue e a sua filha nunca esquecerão.

Tudo começou quando estavam a conduzir pela I-74 perto de Batesville, Indiana. Ela e a sua filha pararam rapidamente para ir à casa de banho. No entanto, alguns criminosos perigosos à espreita na paragem tinham outras ideias.

Agora, Abby está a falar sobre o seu terrível encontro na paragem de descanso na esperança de poder ajudar alguém a permanecer seguro no futuro.

Assim que Abby e a filha chegaram a casa da sua longa viagem, ela correu para o computador para partilhar a sua história assustadora. Ela não fazia ideia de que tantas pessoas estariam interessadas no que aconteceu e se preocupavam de verdade..

“Então, estamos a voltar para casa de Cincinnati e saímos numa paragem de descanso para uma rápida ida à casa de banho. Apenas a minha filha e eu fomos para dentro (eu não tinha o meu telefone ou mala comigo).

Quando estávamos a entrar, uma senhora (que parecia algo suspeita) estava a tentar falar com minha filha. Segurei a mão dela o caminho inteiro e caminhei rapidamente à frente.

Enquanto a senhora estava a tentar falar connosco, também estava a acender um cigarro que imediatamente se extinguiu quando entrámos no prédio. Fomos para a cabine de deficientes e entrámos juntas.

Ouvi a senhora entrar e ela estava a conversar com outra senhora sobre nós – ouvi-a dizer “a menina”. Eu disse à minha filha que não íamos lavar as mãos e que eu ia carregá-la. Quando saímos, passei pelas duas mulheres.

A [mulher] que eu vi originalmente trocou de roupa e começou a sair depois de nós, deixando a sua mala no chão da cabine em que ela estava. A outra senhora que estava com ela provavelmente tinha um metro e oitenta de altura…

Então, fiz um sprint para o carro, atirei a minha filha e tranquei as portas. Uma vez em segurança no carro, reparei em três homens de pé à frente de uma minivan dourada com todas as portas abertas…

Nós ligámos para o 911 e relatámos o que estava a acontecer. Eu tenho este terrível sentimento de que, se eu não estivesse ciente do que estava ao meu redor, a minha filha poderia ter sido tirada de mim. É um mundo aterrorizante aquele em que vivemos.

Eu gostaria de partilhar para tentar lembrar a todos que estejam conscientes das redondezas, que segurem os seus filhos e fiquem longe dos seus telemóveis para não se distrairem!

Isto foi numa parada de descanso perto do marcador de milha 151 (Batesville), em direção ao oeste na I-74.”

Felizmente, Abby manteve a cabeça fria e tomou a decisão certa de correr para o carro. Só podemos esperar que outras mulheres façam a mesma coisa se confrontadas com um cenário tão assustador. Nos dias que se seguiram à publicação, esta foi partilhada mais de 83.000 vezes – mulheres de todo o país estão armadas com conhecimento!

O tráfico humano é um problema que afeta todo o mundo. Sem o pensamento rápido de Abby, poderiam facilmente ser apenas mais uma triste estatística.

É tão importante manter os olhos abertos e falar quando algo não parece certo – pode salvar uma vida. PARTILHE!

Depois da mãe da noiva falecer, marido confessa sobre o bilhete secreto que a sogra lhe deu no dia do casamento

Dália Madruga escreve sobre os filhos: “eu quero lá saber se não têm 5 a todas as disciplinas”