Adolescente aceita oferta de boleia para casa de estranho, sem saber que este vai mudar a sua casa

Algumas pessoas farão o que for necessário para progredir na vida. Um adolescente decidiu que, em vez de esperar que as coisas acontecessem, ele iria encontrar o seu destino. Ele foi para a parte “rica” ​​da cidade com apenas um bilhete de autocarro e sem dinheiro. Ele ia fazer algo que nunca fizera antes, mas tinha de o fazer.

Chauncey Black estava dentro do Highland Kroger quando se aproximou de um estranho com um pedido que mudaria para sempre a sua vida.

O jovem de 16 anos já se deparou com obstáculos com os quais a maioria de nós nunca poderia imaginar. Embora ele tivesse um lugar para morar com a sua mãe, ele não tinha nada para comer. O pobre menino estava a morrer de fome! Então, ele fez a única coisa que podia e foi para o único lugar com muita comida – uma mercearia Kroger num bairro rico.

Apesar de não ter dinheiro, Chauncy conseguiu trocos suficientes para comprar um bilhete de autocarro que o levaria de volta para casa. O seu plano era oferecer trabalho em troca de comida. Mas ele nunca esperou que um encontro casual com um estranho acabasse por mudar a sua vida para sempre.

Uma vez dentro da mercearia Kroger, Chauncy aproximou-se ousadamente de um estranho e perguntou se poderia levar as suas compras para o carro em troca de um pacote de donuts. Bem, ele é um adolescente, afinal de contas!

O desconhecido, Matt White, ficou sensibilizado pelo pedido do jovem. “Ele parecia ter sido rejeitado 100 vezes. Ele parecia envergonhado, com fome e destroçado. No meu coração eu gritei alto que sim, mas para ele apenas ri e disse: sim, vamos lá arranjar-te alguns donuts”, conta Matt.

Matt descobriu rapidamente que Chauncy não tinha telefone, apenas um bilhete de autocarro e uma mãe esfomeada à espera em casa. Chauncy dependia das boas graças de um estranho que ajudava a alimentá-lo antes que o autocarro regressasse, numa hora.

Bem, Matt não ia apenas dar ao adolescente um único pacote de donuts e deixá-lo assim. Era evidente que o rapaz precisava de mais ajuda. Como poderia ignorar isso? Então, o bom samaritano começou a encher o carrinho com todos os tipos de guloseimas que Chauncy poderia levar de volta para a sua mãe.

“Então, escusado será dizer que ele e eu fomos às compras. Divertimo-nos tanto! Comprámos cereais e batatas fritas e legumes congelados, pizzas, cheetos, fruta e massas, manteiga de amendoim, leite, sabão, escovas de dentes, um pouco de tudo”, lembra Matt.

Enquanto eles compravam todas as coisas que Chauncy e a sua mãe precisavam para sobreviver, Matt descobriu que o jovem era um estudante excelente e estava a tentar conseguir um emprego para ajudar a sua mãe a pagar a renda.

 

“Este rapaz era incrível. Chauncy continuava a chamar-se de pobre, mas disse-me que um dia ele seria rico e dono dos seus próprios negócios para poder ajudar outras pessoas na sua vizinhança e comprar mantimentos como eu. Eu estava admirado”, conta Matt.

Mesmo que Chauncy tenha tido um começo difícil na vida, isso não o impediu de ter grandes sonhos de ajudar os necessitados.

Chauncey recebeu uma boleia em vez de apanhar o autocarro – mas ao chegar a casa, ele e a sua mãe mentalmente doente nunca esperavam que o estranho fizesse aquilo por eles.

“Eu dei-lhe uma boleia para casa para que ele não precisasse de apanhar o autocarro, e quando chegámos à casa dele eu fiquei realmente sensibilizado. Ele não estava a brincar. Ele e a mãe não tinham nada. Eles nem tinham camas ou móveis. Eles estavam a dormir em almofadas feitas de sacos-cama, tinham duas lâmpadas e nada no frigorífico”, conta Matt.

Matt poderia dizer que a mãe de Chauncy era medicamente frágil – ela tremia incontrolavelmente, e era difícil para ela andar.

Enquanto o casal desempacotava as compras, Matt podia ver a esperança a voltar aos olhos de Chauncy. Era como se ele fosse apenas um jovem normal de novo.

“Quando estava a sair, dei-lhe um abraço e disse-lhe o quanto Deus o amava e que ele iria crescer para ser um homem incrível. Nunca vou esquecer esse abraço. Significou mais para mim do que qualquer posse que eu tenha”, diz Matt.

No entanto, esse “adeus” não foi realmente o fim desta bela história. Matt não deixou apenas Chauncy com uma carga de mantimentos naquele dia. Ele configurou uma conta no GoFundMe para angariar dinheiro para as necessidades deles, que aquela família precisava desesperadamente.

 

Chauncy precisava de calças para a sua mãe e um cartão-presente de Ross de US $ 10 para si mesmo. Ele estava com vergonha das suas roupas esfarrapadas. Mas Chauncy não recebeu apenas um cartão-presente de $ 10 – um incrível cheque de $ 341 mil foi levantado em resposta às necessidades básicas desta família. Isso também significava que Chauncy poderia comprar o equipamento que precisava para iniciar o seu próprio negócio de cortar relva.E também significava que ele poderia finalmente conseguir uma cama de verdade para dormir.

 

A bondade de estranhos nunca deixa de surpreender. Matt não só ajudou Chauncy e a sua mãe, como a resposta das redes sociais foi incrível também. Apesar da grande quantia de dinheiro que foi levantada no seu nome, Chauncy ainda tem muita vontade de começar o seu próprio negócio para poder ser autossuficiente e ajudar os outros. Que adolescente incrível!

Veja o vídeo abaixo e PARTILHE!

Cão canta no America’s Got Talent e Simon Cowell aplaude de pé

Mãe de gémeos ameaçada de ser expulsa do avião, mas hospedeira de bordo não consegue rejeitar a voz nos altifalantes