in

A Lacoste substituiu o logótipo icónico do crocodilo com 10 espécies em perigo de extinção para consciencializar as pessoas

A famosa marca de roupa Lacoste, tão conhecida pelas suas camisas polo de luxo com o icónico logotipo do crocodilo, arrecadou mais de US $ 328 mil para ajudar nos esforços de conservação, com uma linha de camisas que chamou a atenção para as espécies de animais em perigo de extinção. A agora esgotada edição limitada de camisas substituiu o tradicional crocodilo por 10 animais que estão a desaparecer do nosso planeta.

Cada peça foi produzida em número limitado, com relação ao tamanho estimado da população de cada espécie representada.

Por exemplo, estima-se que existam apenas 350 tigres de Sumatra no planeta, pelo que só foram produzidos 350 polos com o logotipo do tigre.

Entre as outras espécies está o boto californiano, a tartaruga birmanesa, a doninha do norte maki, o rinoceronte-de-java, o gibão-de-crista-preta oriental, o kakapo, o condor da Califórnia, o saola e a iguana Anegada.

A coleção inteira foi imediatamente esgotada, com 1.775 camisas vendidas por US $ 185 cada. Todos os lucros das vendas foram doados para a conservação da IUCN, e as doações ainda estão a chegar de pessoas que só querem apoiar a causa. De acordo com os números divulgados, pode-se facilmente calcular que a linha de roupas foi capaz de arrecadar mais de US $ 328.275 para os esforços de conservação.

A IUCN é um dos principais grupos de conservação do mundo e está entre os detentores de registos mais confiáveis ​​de espécies ameaçadas de extinção.

PARTILHE esta iniciativa!

Se não estás feliz com a tua vida, muda-a. É tua responsabilidade fazer isso

Este rapaz de 16 anos não deixa a sua mulher de 71 anos sair de casa pois tem medo que outros homens a queiram